Pular para o conteúdo principal

Postagens

O Mal Que Conduz à Tentação

A busca por riqueza, poder e glória tem sido uma luta incansável de muitos homens. Há, no mundo, pessoas capazes de causar males terríveis contra outro elevado número de pessoas e até nações para assegurarem sua vontade de ser poderosas e atingirem suas conquistas. São indivíduos que vivem sob desejo incontrolável de opulência flagrante e estão dispostos a agir de modo inconsequente que os leve a constituir um verdadeiro reino na terra. Nessa batalha constante de obterem cada dia mais bens, não se preocupam se estão agindo incorretamente e usando os meios ilícitos, mas defendem somente a satisfação em terem poder e glória. Neste caso, esse tipo de criatura pode pertencer a qualquer seguimento da sociedade e a qualquer instituição, até mesmo a uma instituição religiosa. Jesus, ao instruir os discípulos à oração, menciona alguns líderes religiosos que oravam pelo prazer de serem vistos, os quais chamou de hipócritas. Os fariseus hipócritas se sentiam recompensados em receber as saudações…
Postagens recentes

O Maior Sirva o Menor

O status é o destaque que alguém pode atingir em sua relação social ao admitir uma posição confortável de supremacia que estabeleça um ranqueamento que o eleve a um lugar privilegiado numa sociedade humana. Geralmente, as pessoas quando atingem a patamares de relevância em um determinado grupo social, tendem a se sentir melhores e diferenciadas, passam a exigir que uma hierarquia se forme ao seu redor e logo colocam muita gente ao seu serviço. Mas Jesus adverte seus discípulos para o modelo de sociedade entre os gentios que constituem servos e os orienta para uma nova maneira de viver.Jesus ensina aos discípulos o modelo de relação social que deve ser constituído entre eles no seu reino.  Nesse novo modelo social cristão, os bens, os títulos e a elevada intelectualidade não eram os principais requisitos exigidos. Mas a atitude correta para eles vivenciarem no reino de Deus, era o atendimento para servir uns aos outros e esse serviço se daria na base de que o maior serviria o menor. Ent…

Os Limites Divinos

O s termos de Deus se definem como a fronteira mais ampla de oportunidade para a humanidade. Não há como ultrapassar esses limites por melhor ou pior que sejam a bondade ou a malignidade humana. Por graves que sejam os erros cometidos por uma pessoa, ela nunca vai estar fora do alcance do olhar misericordioso do Pai eterno. Ainda que suas atitudes pecaminosas causem delito ou danos irreparáveis, mesmo assim, não serão obstáculos para separá-la de sua graça. Os atos impuros que possam ir além da conjectura humana de tolerância ou de prescrição legal em uma sociedade, são regidos por lei humana e qualquer feito deletério deve ser julgado e punido conforme as leis de cada país. Mas nunca devemos acreditar que os pecados humanos são pesados por Deus da mesma maneira que são julgados por uma instituição social humana.Por isso é bom evitar que a sentença dada a alguém, em escopo terreno, siga na consideração apenas das leis sociais. Da mesma forma, percebermos que os atos de justiça estabele…

O Pior dos Homens

D eus é capaz de encontrar nos piores dos homens a oportunidade para os confortar e confiar-lhes o evangelho. É o que diz o apóstolo Paulo, um outrora perseguidor de Cristo, a Timóteo. Não pela lei, por ela nenhum homem seria justificado. A lei mosaica não foi feita para o justo, mas para os pecadores. Dessa forma ele mostra que, da mesma maneira que a lei foi feita para os infiéis, a graça e o perdão de Deus se revelam aos pecadores, como uma demonstração mais elevada de misericórdia, do poder e do amor de Deus. Nesse caso, é para o evangelho da glória de Deus que o mais notório escritor bíblico, Paulo, descrito como o apóstolo aos gentios, encoraja seu filho na fé, Timóteo, e o adverte a não se deixar embaraçar por nenhum outro tipo de doutrina ou filosofia dos homens de sua época. O mais interessante é que ao mostrar que o evangelho de Cristo é o poder de Deus que traz a verdadeira solução para os pecados humanos, ele não se coloca como isento da graça de Deus. Mesmo crendo na impor…

Poder Para Matar

O s escribas e fariseus tentavam arrancar de Jesus algumas confissões que pudessem incriminá-lo. Eles queriam tirar de suas palavras motivos para o acusar. Eles precisavam de um plano para cumprir seu desejo homicida. Tudo isso, porque Jesus falava abertamente da hipocrisia praticada por eles. Porém, em reuniões com seus discípulos em presença de escribas e fariseus, Jesus falava por parábola. Suas palavras, em vez de produzirem nos doutores da lei mosaica completo entendimento para eles conseguirem prova para matá-lo, algumas vezes, deixavam-nos maravilhados e sem conseguirem arrancar êxito para cumprir seus intentos. Então eles como hipócritas, fingidores, faziam convites amistosos a Jesus para reuniões em suas casas. Eles esperavam em seus gestos e conversas, distraí-lo para ter como acusá-lo perante as autoridades. Em algumas ocasiões, eles percebiam e questionavam que Jesus não se lavara antes do comer. E Jesus falou-lhes: vós limpais o exterior dos pratos e dos copos, mas o vosso…

Filhos do Altíssimo

N a conversa com seus discípulos, Jesus aponta algumas maneiras que podem torná-los filhos de Deus. E essa filiação se apresenta a partir da relação deles com seu próximo. Próximo para os discípulos eram apenas os judeus, nenhuma outra etnia era entendida por eles como partícipe dos benefícios de Deus dados a partir de Abraão. Então as demais nações existentes no mundo, nos dias de Jesus, eram alienadas dos direitos e garantias dirigidos por Deus aos judeus. A compreensão de um judeu era que, por ser descendente de Abraão, já o configurava filho de Deus. Essa forma de interpretar essa afinidade com Deus comprometia a aproximação deles como filhos e tornavam-nos separados da verdade quanto o que significa ser um verdadeiro filho de Deus. Jesus, no seu primeiro sermão, tratou logo de descomplicar a lacração consanguínea de Abraão feita pelos judeus e ensinou aos discípulos sobre algumas atitudes que deveriam ser melhoradas e novas ações requeridas para a convivência com o próximo. Uma nov…

Verdade Prática disponibiliza dois Lyrics vídeo em seu canal no YouTube

A banda Verdade Prática lançou recentemente em seu canal do YouTube os lyrics vídeo de duas canções, “Preciso de Você” e “O Que Sobrou de Mim”. Sobre as músicas a banda relata:
Preciso de Você
A música retrata a história de alguém que se afastou e não tinha mais forças pra retornar. Sentiu-se preso com as algemas do pecado, e embora reconhecendo que precisava retornar, descobriu que a volta não é tão fácil. Como a passagem do filho pródigo que está Lucas 15: 11-32.Falando de redenção, desperdiçador, extravagante!
O Que Sobrou de Mim
Música baseada no livro de Jó. Contando um pouco do momento em que Jó perdeu tudo, mas jamais a sua essência, Deus conhecia o coração de Jó e por isso permitiu os acontecimentos, mas preservou-o da sua vida. O que mais temos de precioso hoje é o nosso coração e por isso Deus nos manda guardá-lo, que é dele que procede a vida. Às vezes você abre a janela e não vê o sol. Você olha para o mundo e não vê solução, não vê a luz, mas jamais poderá esquecer de que, quem…